Jump to content
Sign in to follow this  
Mahler

OFICIAL | "O Outro Lado do Paraíso": Con Bianca Bin, Rafael Cardoso, Sérgio Guizé, Marieta Severo, Grazi Massafera, Lima Duarte, Fernanda Montenegro, Laura Cardoso, Nathalia Timberg y Gloria Pires. Novela de Walcyr Carrasco.

Recommended Posts

Depois de passar por cirurgia, Thiago Fragoso voltará a gravar 'O outro lado do paraíso'

 

fragoso.jpg

 

Depois de passar por uma cirurgia para a retirada de um nódulo no rim, Thiago Fragoso vai voltar a gravar "O outro lado do paraíso" nesta segunda-feira, 30. O ator também fará cenas na terça. Serão apenas nove sequências no total.

 

Fragoso gravará as cenas de Patrick no hospital. O personagem será internado depois que for baleado durante o resgate de Tomaz (Vitor Figueiredo). Um dublê já havia feito essas sequências. Agora, a direção vai produzir somente os closes.

 

Nas cenas do julgamento de Sophia (Marieta Severo), Patrick não aparecerá. O promotor Abel, interpretado por Charles Fricks, é quem conduzirá todo o processo.

 

Patricia Kogut

Share this post


Link to post
Share on other sites

qué risa esas escenas del peluquero rechazando a nadia y sus jueguitos :ajuajua:

 

beth :llora: y todo por esa asquerosa de adriaNNa

 

No me digan que a Sophia le dará lo mismo que al Papá Soberano :negraalpiso:

 

el final de esto va a quedar idéntico al de rastros :chistoso:

Edited by Tyrant
  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

no me gusta renan con queen beth :( la prefería con el ex marido

 

adriana ahora con nicolau :puerta: me carga, queria que walcyr la matara

Edited by Tyrant

Share this post


Link to post
Share on other sites

Mentira que la Globo ni hizo caso de los spoilers y divulgó hasta el capítulo final como era en los 90s :negraalpiso:

Ojo, con Salve Jorge hicieron lo mismo.

Edited by Danilo S.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que fomeque el beso entre Samuel y Cido :tere: y los brasileños en llamas! :quepobre:

 

Yo que Eriberto me re como a Zulu con lengua, agarrón de poto y paquete, mordiscos, punteos de uno y otro! :maldita:

Edited by Marcelo

Share this post


Link to post
Share on other sites

Que fomeque el beso entre Samuel y Cido :tere: y los brasileños en llamas! :quepobre:

 

Yo que Eriberto me re como a Zulu con lengua, agarrón de poto y paquete, mordiscos, punteos de uno y otro! :maldita:

Han pelado más a esa pareja ( no es porque los encuentren feos a ambos) si no por el guión tipo Zorra Total que hizo la Walcyra.

Share this post


Link to post
Share on other sites

O beijo de Samuel e Cido em 'O outro lado do paraíso'

 

cidoesamuel_fJr9t28.png

 

O primeiro beijo gay da teledramaturgia da Globo foi exibido em janeiro de 2014. A cena reunia Félix (Mateus Solano) e Niko (Thiago Fragoso) no desfecho de Amor à vida, novela de Walcyr Carrasco, dirigida por Mauro Mendonça Filho. Foi o ponto alto do capítulo, que alcançou 44 pontos (SP) e movimentou as redes sociais. A sequência emocionou e entrou para a História. Primeiro, claro, pelo pioneirismo do gesto amoroso entre dois homens na maior emissora aberta do país. Mas também porque o final feliz dos personagens foi bem construído pelo autor e o público salvo aquela parcela hiperconservadora estava torcendo por eles. Em 2015, na estreia de Babilônia, o beijo se repetiu. Dessa vez, entre mulheres, Teresa (Fernanda Montenegro) e Estela (Nathalia Timberg). Mas a novela enfrentou problemas de audiência e não se tinha certeza das razões. Pelo sim, pelo não, a relação das duas seguiu, mas sem beijos.

 

Anteontem, em O outro lado do paraíso, Samuel (Eriberto Leão) e Cido (Rafael Zulu) finalmente ficaram juntos com a aprovação de Adinéia (Ana Lúcia Torre). Depois, se beijaram. Porém, faltou tudo aquilo que fez da cena final de Amor à vida um divisor de águas. Pareceu uma repetição burocrática e uma pálida tentativa de fazer o barulho de 2014. Isso, apesar do talento dos atores e do esforço da direção da novela cuja qualidade ultrapassa em muito a do texto. É que esse núcleo não foi levado a sério. Ao contrário, ele concentrou toda a comédia da trama e sempre cometendo um pecado imperdoável: nunca teve graça. A caricatura prevaleceu, tornando tudo invariavelmente constrangedor.

 

O beijo gay de Amor à vida fez a televisão avançar. Agora, quase houve o inverso, já que Adinéia acreditava na cura gay. Para mostrar que estava errada, a personagem disse, anteontem, didática: Definitivamente, não existe a cura gay. Como pode existir cura se não há doença?. Está certíssimo o raciocínio. Pena que a boa dramaturgia peça algo mais do que meras frases de cartilha de última hora, numa tentativa de virar um jogo quando o enredo já se perdeu.

 

Patricia Kogut

Share this post


Link to post
Share on other sites

Tan de novela mexicana o esas de Venevisión el juicio... Cada 10 segundos todos ponen mil caras, murmurando, algunos se descontrolan... La jueza llamando al orden! :casocerrado:

 

Igual los testimonios, especialmente Caetana y Gael estuvieron wenos. Me cuesta entender bien a Laurinha Cardoso, igual la amo! :lala:

 

Morí con la cara de Marieta Severo al ver entrar al muerto vivo! :ira: Casi le llega la boca a la oreja a Sophia :memeo:

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now
Sign in to follow this  

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×